Primeira Publicação: algumas considerações sobre o Prêmio Dandaras de Poesia

O Prêmio Dandaras de Poesia foi elaborado com a intenção de oferecer às poetas negras uma oportunidade de concretizar o sonho da PRIMEIRA PUBLICAÇÃO.

Depois de quase um ano (desde o embrião, em janeiro/fevereiro de 2019), da "existência" da editora, continuamos a sentir falta dessas vozes nas estantes de bibliotecas e prateleiras de livrarias! Digo isso porque, ao criarmos a Feminas, tivemos a preocupação de desenvolver um selo exclusivo para autoras negras porque entendemos a necessidade desse espaço e, infelizmente, autoras com o perfil deste selo (dandaras) são as que menos nos procuraram até agora.

Por isso, decidimos por lançar esse Prêmio!

Para nossa alegria (e surpresa, susto), estamos recebendo muitas manifestações de interesse pelo Prêmio! 

Então, reforçando as diretrizes:

1. Quem pode participar? 
Autoras (autodeclaradas, reconhecidas como) negras que não tenham ainda nenhuma publicação literária — seja conto, romance, poesia. A autora ainda poderá participar da seleção se tiver apenas publicações na área acadêmica, tais como ensaios, dissertações, teses, etc.

2. Que material deve ser enviado?
O material a ser inscrito deve ser uma obra pronta para ser publicada, ou seja, um livro com título e organizado de forma que apresente uma estrutura e unidade. Essa unidade pode ser temática, de forma, estilo, etc.

Conforme definição da ABNT: "3.31 livro: Publicação não periódica que contém acima de 49 páginas, excluídas as capas, e que é objeto de Número Internacional Normalizado para Livro (ISBN).

A obra inscrita deve ser constituída de POEMAS. Não estamos considerando contos nem romance para esta chamada (por isso o nome: Prêmio Dandaras de POESIA).

Ainda estamos elaborando uma ficha de inscrição, que será encaminhada por email para quem já mostrou interesse em participar.

Para obter mais informações: premio.dandaras@gmail.com